Conselhos Archive

Utilize a linguagem corporal para conquistar a confiança do outro

Em qualquer processo de comunicação com outra pessoa, é importante estar atento para a linguagem corporal. Nossa comunicação verbal é importante, mas não tão importante quanto a não verbal.

Quem canta nem sempre encanta

Sou gente e como tal exijo respeito! Não nasci da barriga de um boi, muito menos fui exposta no varal para pegar sol e nem me recordo de ser servida em prato de churrasco algum.

Homens têm sentimento?

Afinal, de tanto falarmos, tanto julgarmos, o que realmente sabemos sobre o sentimento do sexo oposto?

Como se dar um tempo quando não se quer?

Namoro há 7 anos com uma pessoa maravilhosa, somos muito parceiro e nos amamos!

Perdoar não é simplesmente aceitar, e eu consegui apenas aceitar!

Fui traída e humilhada pelo meu marido, chutei-o para fora de casa mas acabei aceitando-o de volta. O problema é que realmente perdoar não é apenas aceitar, e eu não estou conseguindo!

Por trás de uma traição, há sempre uma razão.

Sou a única mulher no meio dos meus irmãos, sempre fui carente e por isso acabei entrando em relacionamentos destrutivos. Fui traída e desculpava pelas necessidades que tinha. Ame-se antes de amar aos outros, seja egoísta!

O que uma mulher procura em um homem

Quando o assunto é conquista, poucos sabem dizer exatamente o que uma mulher realmente espera e o que ela busca em um homem.

Por que um homem “desaparece” de você?

Recebi um e-mail há algum tempo de uma mulher que contava sobre um rapaz que ela conhecera. No e-mail ela relata como ele se esforçou para convidá-la para sair e como ele foi um cavalheiro no encontro. Porém, depois que eles ficaram, ele não a procurou mais.

Sozinha sim, solitária jamé

Estar solteira pode ser muito melhor do que você imagina e, acredite, pode revelar uma mulher que vive escondida dentro de você, doida para viver, sozinha, mas feliz, por quê não?

Relacionamento frio

Namoro há 5 anos e devo confessar que no começo meu relacionamento ia à s mil maravilhas. Não faltavam sexo, chamego, romantismo e vontade de ficar junto. Há cerca de um ano, meu namorado passou a ser agressivo tanto fisicamente, como verbalmente. Põe a culpa de tudo