Curta e compartilhe!

Um dos aspectos mais fantásticos dos relacionamentos em sites de namoro é que as pessoas coletam informações sobre a outra gradativamente, trocando mensagens e conversando em salas de bate-papo.  Aos poucos vão se conhecendo até chegar a hora de trocar telefones e marcar um encontro pessoal. É muito comum as pessoas dizerem que é neste momento que a mágica acontece: mesmo no primeiro encontro, é como se elas já se conhecessem há muito tempo.

A maioria dos solteiros disponíveis no sites de namoro sérios são pessoas de boa fé, que realmente procuram alguém especial para amizade, namoro e casamento, e os milhares de depoimentos de casais que se conhecem todos os dias comprovam a eficiência deste tipo de serviço. No entanto, assim como fora da internet, devemos estar atentos aos lobos em pele de cordeiro. Pessoas de má fé que se utilizam desses meios para aplicar golpes. A forma mais recorrente em sites de namoro e por email é aplicada por  golpistas denominados Romance Scammers, algo que poderia ser traduzido como o golpista da sedução.

A vantagem é que na maioria das vezes existe um padrão fácil de identificar para evitar cair neste tipo de golpe.

Romance Scammers são grupos organizados que utilizam a internet para enganar e extorquir as vítimas através de redes sociais, sites de namoro e por email, geralmente utilizando fotos de pessoas atraentes roubadas de algum lugar na internet. Eles têm um roteiro muito bem definido, desenvolvido para envolver a vítima com promessas que nunca serão cumpridas. São pessoas muito atenciosas e pacientes, relacionando-se com a vítima durante meses, até mesmo anos, envolvendo-a em uma história falsa criada com o um único objetivo: ganhar dinheiro.

O primeiro passo de quem aplica este tipo de golpe é simular o interesse na vítima e conseguir o seu endereço de email, uma vez que, em um site de namoro sério, se conseguem fazer algum tipo de contato, sabem que serão bloqueados rapidamente e precisam de uma forma de continuar se comunicando com a vítima por fora do site. Depois que conseguem o email da vítima é que começam a agir.

Os golpistas simulam situações que entre outras variantes, geralmente envolvem:

  • Dinheiro para liberação de heranças;
  • Dinheiro para a liberação de passaportes ou bagagens;
  • Dinheiro para o pagamento as passagens para irem ao encontro da vítima;
  • Dinheiro para o tratamento de doenças graves ou pagamento de contas hospitalares;
  • Dinheiro para pagar contas, inclusive de telefone, para continuar se comunicando com a vítima;
  • Precisam se casar rapidamente para receber uma herança deixada por alguém.

O fato é que depois que o golpe é concluído, eles desaparecem, sendo praticamente impossível localiza-los. Números de telefones, endereços de emails e qualquer tipo de contato enviado a vítima são falsos e param de funcionar como em um passe de mágica. Geralmente este tipo de golpista não está no Brasil, e mesmo assim são capazes de fazer ligações telefônicas para as vítimas de números brasileiros, utilizando a internet. Se a vítima checa os números durante a “relação”, existe um esquema bem preparado com secretárias ou familiares para atendê-la e confirmar as informações. Todos estão envolvidos.

Engana-se quem acha que este tipo de golpe é aplicado apenas em mulheres. Para atacar homens o esquema é muito semelhante, utilizando-se de fotos de mulheres atraentes para seduzi-los.

Mas como identifica-los?

Fique atento a mensagens com muitos erros de português e palavras em inglês. Os golpistas utilizam-se de softwares de tradução e geralmente as frases ficam sem sentido e com muitos erros de concordância. Estranhe quando alguém entrar em contato com você pela primeira vez pedindo dados pessoais como email ou telefone. É comum os golpistas se denominarem coronéis, sargentos ou que estão de alguma forma ligados ao exército. Também costumam dizer que trabalham em plataformas de petróleo ou que realizam algum tipo de trabalho onde necessitam viajar muito. É óbvio que nenhum deles nunca vai se encontrar com a vítima pessoalmente. O objetivo aqui é saber se a pessoa é uma vítima em potencial, caso contrário, desistem. Os sites de namoro foram desenvolvidos para que você se comunique por dentro do site sem que seja necessário enviar nenhuma informação pessoal, de forma anônima e segura.

Engana-se quem acha que este tipo de golpe é aplicado apenas em mulheres. Para atacar homens o esquema é muito semelhante, utilizando-se de fotos de mulheres atraentes para seduzi-los.

Se você estiver se relacionando com alguém pela internet e esta pessoa te pedir dinheiro, para o quer quer que seja, denuncie para o site.

O objetivo deste texto é apenas de fornecer informações para que você nunca caia neste tipo de golpe. Quanto mais pessoas conhecerem as estratégias desses golpistas, menos sucesso eles terão em suas tentativas. Conforme citado inicialmente, todos sabemos que os lobos em pele de cordeiro estão em todos os lugares, como bares, restaurantes, festas e até mesmo dentro de igrejas, e esse tipo de cuidado deve ser tomado em todos os aspectos da sua vida pessoal, principalmente na internet onde é mais fácil criar um personagem fictício para seduzir e enganar.

Compartilhe este texto com a maior quantidade possível de pessoas. Pequenas ações como esta podem não acabar com redes internacionais de golpistas que se aproveitam de pessoas de boa fé, mas apenas o fato de estarmos compartilhando a informação deixa as pessoas mais preparadas caso um dia venham a receber um contato desse tipo.

(Visitado 6.465 vezes, 1 visitas hoje)