Curta e compartilhe!

Não vejo o destino
E nem sei como vai
Acontecer, mas tenho a certeza
Na incerteza do destino, que minha vida
Vai ser eternamente com você.

O amor que sinto
Hoje por você, me faz desafiar,
Aquilo que pode me amedrontar,
Pois pedir a Deus a força
De amar, sem ter medo de enfrentar,
Aquilo que o desconhecido pode me ofertar

O destino não é a pedra
Para viver o meu amor por ti,
Mas vigora a esperança
De que mesmo sabendo o que há
O meu amor por você sempre terá.

Não desejo matar
A beleza do destino
Porque não estarei
Permitindo que meu
Amor seja o brilho do teu destino

Vamos seguir
Sem deixar de desistir
Entretanto, o nosso destino
Não é feito de um fim,
Mas de um amor que suspira eternamente por ti.

Autoria: Jean Michel

(Visitado 1 vezes, 1 visitas hoje)