Curta e compartilhe!

Todo relacionamento tem desafios… o maior deles são as diferenças.
Qual a maior dificuldade em fazer um relacionamento dar certo? Por que muitas pessoas terminam namoros e casamentos? Existe uma fórmula para ser feliz a dois?Se existe resposta para essas perguntas, posso dizer que é o desafio de lidar com as diferenças! Nem todas as pessoas têm paciência e maturidade para entender que ninguém é igual a ninguém.

Quando se está envolvido(a) com alguém, existem duas opções: escolher aceitar as diferenças existentes ou colocar um ponto final, pois não vai saber lidar com isso. A maioria das brigas são causadas por falta de entendimento, uma boa conversa e doses de tolerância.

Quem é que não briga com pais, mães, irmãos, primos(as) etc? Mesmo tendo a mesma criação e desde criança conviver com eles(as), é impossível não haver diferenças. Isso acontece por um simples motivo: não exitem pessoas iguais no mundo.

Muitas pessoas passam pelo mesmo processo: conhecem alguém especial, se apaixonam profundamente, se entregam, começam as brigas, o relacionamento acaba e a pergunta que fica é: “Por que nunca consigo um relacionamento saudável?”

Isso acontece porque aceitar que nós temos defeitos, que erramos e o pior, que o ser amado não é perfeito é horrível, dói muito e preferimos aceitar que o outro não foi feito para nós. Não existe relacionamento sem diferenças. E esse é o grande desafio. Se superar isso, seu relacionamento será um sucesso. Imagine a seguinte situação:
Ele mora sozinho, longe dos pais há muito tempo, é independente e não gosta de ser cobrado por horários, nem por onde se encontra.
Ela mora com os pais, não sabe o que é respeitar o espaço do outro, super mimada, dependente de atenção e foi criada tendo que dar satisfação dos seus passos. Agora imagine essas duas pessoas juntas. Conseguiu? É muito difícil né? Por quê? Vamos lá…
Ela vai controlar os horários dele, vai pedir atenção o tempo todo, vai cobrá-lo de gestos de amor e não sabe entender que ele precisa de espaço. Na primeira vez ele vai tentar explicar, na segunda começa a ficar furioso e na terceira desliga o celular na cara dela. Ela liga para as amigas aos prantos, dizendo que tudo acabou, que ele não é romântico, nem gentil e que é incapaz de entendê-la. Mas como se amam, ficam juntos. O tempo passa e juntos aprendem as necessidades de cada um. Ele procura ser mais atencioso e dar satisfação do que vai fazer; ela passa a aceitar essa forma de amor.
Depois de dois anos e meio juntos, e aceitando cada vez mais as diferenças, se casam. Quem viu esse casal no início achou que seria impossível isso acontecer, tantas brigas, desgastes… mas eles queriam estar juntos e sabiam que para isso os dois precisariam ceder e aprender.

E você? O que está esperando para parar de brigar por besteira e entender que seu(sua) parceiro(a) nunca será 100% o que sonhou, mas o que ele(a) pode ser é o suficiente para te fazer o(a) homem(mulher) mais feliz do seu mundo!!

Não perca tempo, nem desgaste sua relação por besteiras. Converse sobre as diferenças e veja quem pode ceder em cada situação. Nem sempre será o outro, às vezes você terá que ceder. Mas quer saber? Vale muito a pena!!

(Visitado 65.518 vezes, 1 visitas hoje)